sexta-feira, 13 de abril de 2012

Informe sobre audiência do dia 13 de abril com Secretário de Educação

Encerrou na tarde desta sexta-feira, 13 de abril, a mesa de negociações entre SINTE SC e Governo do Estado. Estiveram reunidos todos os membros da executiva do sindicato, equipe do Governo e o Secretário Eduardo Deschamps, na sede da secretaria.

De acordo com o SINTE, o Governo ainda não apresentou nenhuma proposta ou números concreto, para o reajuste da categoria, que exige os 22,22%  no plano de carreira, embora reconheça que precisa descompactar a tabela e está utilizando a estrutura da tabela criada pela categoria.

O Secretário afirmou que vai discutir as reivindicações da classe com as demais pastas do Governo, em especial a Secretaria da Fazenda e prometeu trazer a proposta final ao SINTE na segunda-feira, dia 16, às 15 horas.

Até lá, a categoria continua mobilizada para a greve a partir do dia 17 de abril, data da assembleia geral.

ASSESSORIA IMPRENSA SINTE – SC
9178-9026

12 comentários:

  1. esperamos que o governo não nos enrole mais... mais do que nunca, precisamos da tabela descompactada...

    ResponderExcluir
  2. Outra reunião?Até qdo vão fazer reuniões e nos enrrolar? SInte por favor mão a obrA..eh perder tempo essas reuniões..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nao seja iguinorante se o sinte nao negociar nao recebemos.precisamos ficar unidos ao sinte

      Excluir
    2. Iguinorante??????????????????????

      Excluir
    3. Caramba! "iguinorante" foi f&$@!
      Não deve ter nem o Ensimo Médio, heim?

      Excluir
  3. DESCULPEM TODOS OS INTELECTUAIS DA EDUCAÇÃO, mas se a JUSTIÇA manda devemos obedecer. Por que até agora o Governo Negocia com o SINTE? se a lei é clara. Não dá para pagar? PEÇA AO GOVERNO FEDERAL! Tá na LEI pô! e o SINTE ainda quer negociar? Estão invertendo as posições gente!


    Lei nº 11.738, de 16 de julho de 2008

    Art. 1o  Esta Lei regulamenta o PISO SALARIAL PROFISSIONAL NACIONAL para os profissionais do magistério público da educação básica. . .
    Art  2º
    § 1o  O piso salarial profissional nacional é o valor abaixo do qual a União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios não poderão fixar o VENCIMENTO INICIAL DAS CARREIRAS. . .
    Art. 3o  . . . como vencimento inicial DAS CARREIRAS dos profissionais da educação básica pública . . .
    Art. 6o  A União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios deverão elaborar ou ADEQUAR SEUS PLANOS DE CARREIRA E REMNERAÇÃO DO MAGISTÉRIO ATÉ 31 DE DEZEMBRO DE 2009

    ResponderExcluir
  4. Acesse a tabela descompactada e reajustada de acordo com a Lei Federal 11738/08 em

    www.acpsc.blogspot.com

    Veja também a remuneração do magistério em alguns estados do país e compare.

    Prof. Cesar Paiva Spadoto

    ResponderExcluir
  5. Eu tive acesso à tabela descompactada no blog dos ATPs e é uma vergonha o que estão fazendo com a educação catarinense.

    Veja:

    acpsc.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Andresa Cordova/Regional de Lages13 de abril de 2012 20:03

    Muito bom ver o Blog ser atualizado...

    ResponderExcluir
  7. Bem, pelo jeito vamos novamente para a greve.

    ResponderExcluir
  8. A LUTA sobre o descaso do governo para com a Educação (descumprimento acordo greve 2011, descumprimento Lei do Piso, hora atividade, falta de estrutura nas escolas, municipalização do ensino fundamental, entre tantos outros) só existe através de greve novamente? Acredito que outras alternativas devam ser buscadas.

    ResponderExcluir
  9. Alto Vale

    É greve!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir